inova.jor

inova.jor

Para que serve um bueiro inteligente

O bueiro inteligente foi desenvolvido por uma startup chamada Net Sensors / Renato Cruz/inova.jor
O bueiro inteligente foi desenvolvido por uma startup chamada Net Sensors / Renato Cruz/inova.jor

RIO

O Porto Maravilha, no Rio de Janeiro, tem 28 bueiros inteligentes. Cada bueiro é formado por um coletor de lixo sólido e um sensor volumétrico, que avisa via rede celular quando o coletor está cheio.

O bueiro inteligente melhora o ambiente, pois limita a quantidade de lixo sólido que vai para os rios; reduz o custo de manutenção, porque as equipes só o visitam quando ele está cheio; e tem um impacto positivo na vida da população, já que evita enchentes.

A solução faz parte do Programa de Inovação Urbana da Cisco, em parceria com a prefeitura do Rio. O projeto foi implementado pela PromonLogicalis e os bueiros foram desenvolvidos por uma startup chamada Net Sensors.

Segundo Carlos Chiaradia, presidente da Net Sensors, a bateria do sensor do bueiro dura um ano. “De 12 em 12 horas, ele verifica se o coletor está cheio e, em caso positivo, avisa o Centro de Comando e Controle do Porto Maravilha”, explica.

Em São Paulo, a empresa tem 110 bueiros instalados, sendo que, em cerca de 15 pontos, já foi comprovada redução de alagamentos. “Estamos em negociação com mais 11 prefeituras”, afirma Chiaradia.

A PromonLogicalis conversou com interessados pela solução em países como Espanha, Argentina, Uruguai e Colômbia. “Esse pode ser um produto de exportação”, diz Lucas Pinz, gerente sênior de tecnologia da PromonLogicalis.

Programa de aceleração

A Net Sensors foi uma das vencedoras do Desafio Cisco de Inovação Urbana. A empresa participou de um programa de aceleração que durou cinco meses, com apoio técnico do Centro de Inovação da Cisco no Rio.

Fabricante americana de equipamentos de comunicação de dados, a Cisco apresentou hoje (6/7) 15 soluções urbanas inteligentes no Porto Maravilha, muitas delas desenvolvidas em parceria com startups brasileiras.

A região foi revitalizado como preparação para a Olimpíada. “Estamos orgulhosos de trazer o Porto Maravilha para nossa lista mundial de exemplos de cidades inteligentes”, afirma Laércio Albuquerque, presidente da Cisco Brasil.

  • O jornalista viajou a convite da Cisco

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

A Siemens apresentou aplicações baseadas no conceito de gêmeo digital em Hannover / Renato Cruz/inova.jor

O que esperar da tecnologia em 2018

Este ano promete ser de mudanças rápidas no mercado. Tecnologias consolidam-se e trazem resultados mais amplos a partir de agora. Abaixo, destaco quatro tendências apontadas por pesquisas e relatórios internacionais que devem se fortalecer durante 2018. 1. Interface invisível Com o avanço da tecnologia digital, consumidores convivem com uma proliferação[…]

Leia mais »
Prius é o modelo mais básico entre os carros híbridos da Toyota no Brasil / Divulgação

Toyota vende 10 milhões de carros híbridos no mundo

A Toyota anunciou que até o fim de janeiro vendeu 10 milhões de veículos híbridos em todo mundo. A meta foi atingida 20 anos depois do lançamento do primeiro modelo Prius, em 1997. Atualmente a montadora comercializa 33 tipos de veículos híbridos em 90 países. No Brasil, há um modelo[…]

Leia mais »

3 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami