inova.jor

inova.jor

São Paulo terá batalhas de startups de inteligência artificial

A batalha entre startups de inteligência artificial já aconteceu outras duas vezes em Boston e Valência / Machine Learning Valencia / Divulgação
A batalha de inteligência artificial já aconteceu em Boston e Valência / Machine Learning Valencia/Divulgação

Batalhas entre startups com soluções em inteligência artificial decidirão qual empresa será o novo participante da Wayra, aceleradora do grupo Telefônica, que também é dona da Vivo. O vencedor também receberá apoio da Microsoft.

A competição acontecerá em 9 de dezembro e é organizada pela empresa norte-americana BigML em parceria com a Open Future, programa de inovação aberta da Telefônica.

Na terceira edição, o evento global acontecerá pela primeira vez no Brasil. As edições anteriores foram realizadas em Boston (EUA) e Valência (Espanha).

Seleção por algoritmo

Durante o evento, as empresa vão apresentar seus projetos em inglês e passarão por avaliação feita por um algoritmo de inteligência artificial, chamado PreSeries, que vai calcular a chance de sucesso de cada uma delas.

As startups receberão uma nota do algoritmo, sem a interferência humana. O PreSeries é configurado para refletir um grande modelo preditivo, com informações de milhares de startups pelo mundo.

O algoritmo considera ainda as rodadas de investimento feitas pelas empresas até o momento.

A startup escolhida pelo algoritmo será convidada a ingressar mo time de aceleradas da Wayra. A empresa participará pelo processo de monitoramento, treinamento e conexão com a rede global de negócios oferecido pelo programa.

Após os seis meses de aceleração, a startup vencedora poderá receber um aporte de US$ 50 mil. Em contrapartida, disponibilizará entre 7% a 10% da empresa para a Telefônica.

O vencedor levará ainda US$ 120 mil em créditos de serviços da Microsoft Azure válidos por dois anos. Além disso, receberá o selo BizSpark Plus, do programa de benefícios para startups da Microsoft.

Os interessados em disputar uma das cinco vagas finalistas precisam se inscrever pela internet até 29 de novembro. A lista com os aprovados será divulgada em 1.º de dezembro.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Em 2016, a vencedora foi a startup brasileira Delfos Predictive Maintenance, de Fortaleza / Divulgação

EDP busca projetos inovadores em energia elétrica

A portuguesa EDP abriu as inscrições para o EDP Open Innovation 2017. No ano passado, a vencedora foi a startup brasileira Delfos Predictive Maintenance, de Fortaleza. As inscrições de projetos inovadores para o mercado de energia elétrica vão até 23 de agosto. A startup vencedora receberá um prêmio de € 50[…]

Leia mais »

Incubadora de Sorocaba seleciona empreendedores

Startups e empreendedores com ideias inovadoras e soluções tecnológicas podem se inscrever até o fim deste mês no processo de seleção da Hubiz, incubadora do Parque Tecnológico de Sorocaba (PTS), no interior de São Paulo. Atualmente 20 empresas estão sendo incubadas no parque. Durante o período de incubação, os empreendedores recebem consultoria e assessorias,[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami