inova.jor

inova.jor

Capgemini promove competição mundial de startups

Capgemini: As startups vencedoras receberão até US$ 50 mil em aporte / Zona Coworking/Creative Commons
As startups vencedoras receberão até US$ 50 mil em aporte / Zona Coworking/Creative Commons

Startups de todo o mundo podem se inscrever na competição InnovatorsRace50, criado pela consultoria Capgemini.

Cinco startups serão premiadas com US$ 50 mil em investimento equity-free, ou seja, sem participação acionária em troca do aporte.

Ao todo, 50 novas empresas serão selecionadas e divididas em cinco grupos de interesses:

  • govtech & empresas sociais,
  • fintech & mobilidade,
  • consumidores & bem-estar,
  • processos digitais & transformação, e
  • dados & segurança.

Especialistas ajudarão a escolher dez finalistas, que terão a oportunidade de interagir com profissionais de tecnologias voltadas para as suas áreas em uma das cinco Applied Innovation Exchanges (AIEs) da Capgemini.

De abril a maio, as startups poderão testar e aplicar suas propostas de inovação nas AIEs de Londres, Mumbai, Munique, Paris e São Francisco.

Profissionais auxiliarão com as propostas e a preparação para a apresentação final.

As cinco empresas vencedoras poderão ainda ter acesso a participação em eventos globais de tecnologia, acesso aos especialistas de mercado e a possibilidade de se tornar um parceiro da Capgemini.

O resultado final será anunciado dia 5 de outubro.

Série na web

Toda a competição poderá ser acompanhada na íntegra em uma web-série intitulada de InnovatorsRace50, a ser exibida entre setembro e outubro.

A rede CNN Internacional também exibirá a série em outubro, num programa chamado Unicorns, no canal de televisão e no website.

Os interessados precisam se inscrever até 28 de fevereiro.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Febre do Pokémon Go traça futuro móvel para Nintendo

Dos três grandes fabricantes de consoles de videogames, a japonesa Nintendo é a empresa que enfrenta a situação mais difícil. Sua máquina mais recente, o Wii U, não obteve o sucesso esperado. Tudo começou a mudar com o lançamento do Pokémon Go, na quarta-feira (6/7). Primeiro jogo para celulares da história da Nintendo, surge 21[…]

Leia mais »
O modelo de open banking dá ao consumidor controle sobre seus dados bancários / Renato Cruz/inova.jor

Open banking no Brasil: API or not API?

A Europa se prepara para uma revolução no setor bancário. Com a regulação sobre os open banks (bancos abertos) praticamente pronta, novas instituições financeiras apontam no horizonte uma nova realidade em que o correntista torna-se ao mesmo tempo seu próprio banco e seu próprio banqueiro. Especialistas defendem que essa pode[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami