inova.jor

inova.jor

Brasil é o país que mais valoriza tecnologias de assistência ao motorista

Consumidor brasileiro valoriza tecnologias para motoristas e passageiros
Consumidor brasileiro valoriza tecnologias para motoristas e passageiros / Eurritimia/Creative Commons

Uma estudo global realizado pela empresa de pesquisa GfK revela que o consumidor brasileiro é o que mais valoriza a presença de tecnologias de assistência ao motorista, como sensores de estacionamento, sistemas de controle de velocidade e acionamento de motor sem uso de chaves.

Segundo a pesquisa, feita com mais de 22 mil pessoas em 17 países, esse conjunto de atributos foi considerado muito importante por 48% dos entrevistados no Brasil.

O segundo lugar da lista ficou com a China (43%) e o terceiro com a Coréia do Sul (42%). A média global ficou em 36%.

Serviços para os passageiros

Os passageiros dos veículos também dão importância para a tecnologia. Streaming de áudio e/ou vídeo e conexão às redes sociais são considerados itens muito importantes para 36% dos brasileiros.

Ainda segundo o estudo, a percepção da importância das novas tecnologias para motoristas e passageiros varia de acordo com a renda dos entrevistados.

Na média global, 44% dos consumidores de maior renda consideram muito importante a presença de tecnologias de assistência ao motorista. Para os entrevistados de menor renda, esse percentual é de 30%.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O Brasil precisa definir frequências e participar ativamente da definição do padrão de 5G / Ericsson/Divulgação

5G traz as comunicações móveis para a era do gigabit

A quinta geração (5G) coloca as comunicações móveis na era do gigabit. A tecnologia deve permitir acessos a 1 gigabit por segundo (Gbps), velocidade conseguida atualmente em acessos fixos de fibra óptica. Além disso, é componente essencial da internet das coisas (IoT, na sigla em inglês), ao oferecer latência (tempo[…]

Leia mais »
Intel considera o mercado de computação em nuvem prioridade / Intel/Divulgação

Por que a Intel aposta seu futuro na nuvem

A Intel, maior fabricante de processadores do mundo, passa por um momento difícil de transformação. Na semana passada, a empresa anunciou resultados trimestrais abaixo do esperado e a demissão de 12 mil funcionários em todo o mundo, o que equivale a 11% de sua força de trabalho. Na terça-feira, Brian[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami