inova.jor

inova.jor

Claro Brasil investe em geração de energia limpa

José Antonio Felix anunciou a primeira fazenda de energia solar da Claro / Renato Cruz/inova.jor
José Antonio Felix anunciou o primeiro parque de geração de energia solar da Claro / Renato Cruz/inova.jor

A Claro Brasil anunciou ontem (14/12) um programa de geração distribuída de energia limpa.

Controlada pela mexicana América Móvil, a operadora tem como meta reduzir em mais de 100 mil toneladas métricas a emissão de dióxido de carbono por ano. Isso equivale a tirar quase 420 mil carros de circulação.

Além da Claro, a empresa é dona das marcas Embratel e NET. Segundo a operadora, trata-se do maior projeto de geração distribuída de uma empresa privada no país.

Energia renovável

A fontes renováveis utilizadas serão:

  • solar,
  • eólica,
  • hidrelétrica,
  • biogás e
  • cogeração qualificada (termelétrica).

O objetivo é que o programa forneça 80% da energia utilizada pelas operações da operadora em todo o Brasil, o que corresponde a mais de 600 mil MWh/ano.

Em novembro, a Claro inaugurou um complexo de usinas solares nas cidades de Várzea de Palmas e Buritizeiro, em Minas Gerais.

O complexo ocupa 45 hectares, e gera energia suficiente para suprir uma cidade de 250 mil habitantes.

“Recentemente, inauguramos Andrômeda, a primeira fazenda de energia solar a trabalhar para a Claro”, destacou José Antônio Félix, presidente da empresa no Brasil.

Menos gastos

No ano que vem, a Claro planeja inaugurar mais 20 parques solares, quatro parques eólicos e três operações de cogeração qualificada.

Durante 2018 também será incorporada ao projeto energia gerada por pequenas centrais hidrelétricas.

A empresa estima redução média de 30% nas despesas anuais com energia.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Para oferecer 4G em Fernando de Noronha, a TIM combinou três frequências e usou satélite de órbita média / Eduardo Muruci/Creative Commons

Como levar 4G para Fernando de Noronha

A TIM anunciou ontem (8/12) a cobertura de Fernando de Noronha (PE) com comunicações móveis de quarta geração (4G). Trata-se da milésima cidade a receber a tecnologia da operadora. “Neste ano, instalamos 4G em média em duas cidades por dia”, afirma Leonardo Capdeville, diretor de Tecnologia da TIM Brasil. “Até[…]

Leia mais »
A Motorola Solutions está interessada em empresas de software e serviços e operadoras de rádio / Renato Cruz/inova.jor

Motorola Solutions estuda aquisições no Brasil

A Motorola Solutions estuda aquisições na América Latina, sendo que dois possíveis alvos estão no Brasil. Segundo Elton Borgonovo, presidente da subsidiária brasileira da empresa, as áreas de interesse são software e aplicações e operadoras de rádio push to talk (PTT), como os que são utilizados por polícia e bombeiros.[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami