inova.jor

inova.jor

Brasil registra 30 ataques de negação de serviço por hora

Principal fonte dos ataques foi o próprio Brasil, segundo relatório / Renato Cruz/inova.jor
Principal fonte dos ataques foi o próprio Brasil, segundo relatório / Renato Cruz/inova.jor

No ano passado, foram registrados 264,9 mil ataques de negação de serviço (DDoS, na sigla em inglês) dirigidos ao Brasil. A informação consta do 13º Relatório Anual sobre Segurança da Infraestrutura Global de Redes (WISR, na sigla em inglês), da Netscout Arbor.

Nesse tipo de ataque, o criminoso domina um número grande de computadores e então os faz acessar ao mesmo tempo um site ou sistema, para tirá-lo do ar por excesso de tráfego.

Os 264,9 mil ataques no ano representam 728 por dia ou 30 por hora. No mundo, houve 7,5 milhões de ataques DDoS em 2017.

A principal fonte dos ataques ao Brasil foi o próprio país (34,1%). Depois, vieram Estados Unidos (30,3%), Canadá (17,8%) e Reino Unido (17,8%).

O Brasil é o quinto país mais atacado do mundo, depois dos EUA, Coreia do Sul, China e França.

Maior ataque do mundo

A Netscout Arbor identificou por aqui, em julho do ano passado, o maior caso de DDoS em pacotes por segundo (PPS).  Nesse ataque, foram encaminhados 245 milhões de PPS.

Os dados da pesquisa referem-se ao período de novembro de 2016 a outubro de 2017.

Relatório de Segurança Netscout Arbor

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Federico Flórez, da Ferrovial, participou de evento da CIONet Brasil / Divulgação

Qual é o lugar da inovação na grande empresa?

As atividades de inovação e de tecnologia da informação devem ficar sob a responsabilidade do mesmo executivo? Esse é o modelo adotado pela Ferrovial, empresa espanhola de infraestrutura. Na semana passada, seu diretor de Informação e Inovação, Federico Flórez, participou em São Paulo de um evento da CIONet Brazil, rede de[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami