inova.jor

inova.jor

TIM promove desafio de blockchain para estudantes

Competição de projetos com blockchain faz parte de programa de inovação aberta da TIM / Divulgação
Competição de projetos com blockchain faz parte de programa de inovação aberta da TIM / Divulgação

A TIM promove uma competição para estudantes de soluções inovadoras que utilizem blockchain. A tecnologia está por trás de criptomoedas como o bitcoin.

O desafio é resultado de parceria entre a operadora, o Departamento de Informática da PUC-Rio e as empresa Mongeral Aegon, Microsoft e IRB Brasil RE.

As inscrições podem ser feitas até 13 de julho.

Os participantes devem submeter projetos de aplicação de blockchain numa das seguintes áreas:

  • segurança,
  • privacidade,
  • identidade, e
  • eficiência operacional.

Os inscritos terão acesso a conteúdos educacionais digitais para auxiliá-los nos projetos.

Critérios

As propostas serão avaliadas por uma banca formada por representantes da PUC-Rio e das empresas apoiadores, levando em conta os seguintes critérios:

  • grau de inovação da proposta,
  • maior grau de impacto em uma das industrias,
  • qualidade do pitch, e
  • clareza da prototipação.

Os prêmios serão um Macbook Air, 10 mochilas da Microsoft, 10 caixas de som bluetooth e R$ 5 mil em cursos, divididos entre três vencedores.

A iniciativa faz parte do programa de inovação aberta da TIM Brasil.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Como a tecnologia muda o mercado de entrega de comida

O Brasil é um dos principais mercados para entregas no mundo. O grande número de motoboys e a necessidade de encontrar saídas para a crise econômica tornam o segmento um terreno fértil para o crescimento em 2017. Estima-se que existam 3 milhões motoboys trabalhando no País. Boa parte deles, 600 mil,[…]

Leia mais »
Não é fácil encontrar o contato de mulheres que prestem serviços de reparos domésticos / royalty free/Creative Commons

Startup aposta em reparos domésticos feitos por mulheres

Tem aumentado a procura por mulheres que prestem serviços de reparos domésticos. Com medo de receber orçamentos inflados ou de sofrer assédio durante a visita de um profissional, o público feminino começa a dar preferência a prestadoras de serviços. Mas nem sempre é fácil encontrar o contato de mulheres disponíveis para realizar atividades[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami