inova.jor

inova.jor

Cervejaria Ambev lança desafios ambientais para empreendedores

Cervejaria Ambev busca ideias inovadoras para conservar as bacias hidrográficas / Divulgação
Cervejaria Ambev busca ideias inovadoras para conservar as bacias hidrográficas / Divulgação

 

A aceleradora de soluções ambientais da Cervejaria Ambev lançou 10 desafios a empreendedores. Os interessados podem se inscrever até 14 de setembro no site da aceleradora.

Com apoio institucional do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), a iniciativa teve os temas definidos pelo grupo AB Inbev em conjunto com especialistas em temas como carbono, água, agricultura sustentável, embalagem circular e o futuro da produção de cerveja.

O processo está aberto a empreendedores, startups e acadêmicos. Os desafios têm temas como:

  • Cada gota conta – que busca ideias para garantir a conservação das bacias hidrográficas, melhorar o acesso à água e reduzir o seu desperdício;
  • Feche o ciclo – que procura soluções para garantir que a coleta e reciclagem de lixo sejam mais eficientes nas economias em desenvolvimento; e
  • Futuro da produção de cerveja – para encontrar propostas de uso da tecnologia em diversos estágios do processo de produção cervejeira, para melhorar a eficiência e reduzir o desperdício.

Representantes do Pacto Global da ONU vão participar de algumas etapas da aceleradora, como avaliação dos projetos inscritos e desenvolvimento de conteúdos para treinamento dos participantes.

Treinamento e mentoria

Serão selecionados de 20 a 25 projetos mundialmente. Os empreendedores vão receber treinamento e mentoria na aceleradora da AB Inbev.

No final do processo, o vencedor terá a chance de fechar um contrato com a empresa e de apresentar sua ideia a fundos globais de investimento.

No Brasil, pelo menos 20 projetos que não seguirem para a etapa global serão selecionados para um programa de aceleração local. Além disso, poderão ser apresentados a investidores locais.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Drones: A startup catarinense Horus Aeronaves prevê crescimento de 500% este ano / Divulgação

Drones brasileiros ganham os céus

O Brasil também fabrica drones. Startups brasileiras do setor preveem forte crescimento das vendas, mesmo com um cenário de retração econômica. O mercado deve movimentar R$ 200 milhões neste ano. Até quinta-feira, acontece em São Paulo a segunda edição do DroneShow, com participação de empresários, startups e investidores. O evento deve ser[…]

Leia mais »

Programa seleciona startups de energias renováveis e nanotecnologia

Termina hoje (20/1) o prazo para inscrição de startups no Mining Lab. O programa de apoio ao empreendedorismo da Votorantim Metais busca soluções de energias renováveis e nanotecnologia aplicáveis a mineração Ao todo, 10 startups serão selecionadas. Os projetos aprovados para a fase de imersão na Votorantim serão divulgados no próximo dia 27.[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami