inova.jor

inova.jor

Zen Finance tem R$ 1 bi em crédito para participantes de marketplaces

Marcelo Nomoto e Jorge Vargas Neto são fundadores da Zen / Divulgação
Marcelo Nomoto e Jorge Vargas Neto são fundadores da fintech / Divulgação

 

A Zen tem R$ 1 bilhão para oferecer em crédito para participantes de marketplaces, num serviço chamado Zen Finance. Segundo a empresa, trata-se do maior montante já disponibilizado a uma fintech no Brasil. 

Os recursos são resultado de uma parceria com investidores institucionais. A Zen foi criada por Jorge Vargas Neto, que também fundou a Biva, fintech vendida para o PagSeguro.

O Zen Finance funciona no modelo white label. Ou seja, a marca que aparece para o tomador de crédito é do marketplace parceiro. A empresa já tem acordos com a Dafiti e a Mobly.

Análise de crédito

A fintech usa as informações do relacionamento do vendedor com o marketplace para fazer a análise de crédito, além de dados como comportamento nas redes sociais. 

Segundo a companhia, suas taxas são cerca de 40% inferiores do que as oferecidas por instituições tradicionais. O prazo do empréstimo é de 12 meses.

Além de Vargas Neto, a fintech foi criada por Marcelo Nomoto, que foi diretor de tecnologia da Biva e desenvolvedor sênior do Nubank, Itaú e Xerpa. 

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

O mercado de aceleradoras é considerado consolidado e primordial para as startups brasileiras /Steven Zwerink/ Flickr / Creative Commons

Scale-Up Endeavor oferece mentoria para empreendedores

Estão abertas as inscrições para o Scale-Up Endeavor (antigo Endeavor Promessas). O programa apoia empreendedores de alto potencial por meio de mentorias com a rede da Endeavor e conexões diretas entre empreendedores em estágios semelhantes. O objetivo é acelerar o crescimento das empresas. Os participantes serão selecionados por: Uma avaliação comportamental[…]

Leia mais »
A IBM apresentou o robozinho NAO como um possível atendente de banco / Vincent Desailly/Divulgação

Como será o banco do futuro

O setor financeiro passa por um momento de transformação. Terminou ontem (23/6) o Ciab, evento de tecnologia da Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Conversei com Gustavo Fosse, diretor de Tecnologia e Automação Bancária da Febraban, sobre três das principais tendências apresentadas durante o evento. Computação cognitiva Novos sistemas de computação procuram entender o[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami