inova.jor

inova.jor

Retrospectiva: Quais foram os 10 textos mais lidos de 2018

Análise de dados e inteligência artificial, startups e transformação digital foram temas de destaque neste ano.

Essas tendências estão presentes nos 10 textos mais lidos do inova.jor de 2018.

A lista abaixo também serve de retrospectiva.

Que o próximo ano seja ainda melhor para as empresas inovadoras, com políticas favoráveis à digitalização.

10. Quais são os principais obstáculos à inovação no Brasil

Elisabeth Reynolds, do MIT, afirma que política industrial brasileira atrapalha política de inovação / Renato Cruz/inova.jor
Reynolds diz que política industrial atrapalha inovação / Renato Cruz/inova.jor

Apesar das políticas de incentivo à inovação, o Brasil não vai muito bem nessa área. Um estudo do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês), patrocinado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), apontou obstáculos às atividades inovadoras no país.

9. O que esperar da tecnologia em 2018

A Siemens apresentou aplicações baseadas no conceito de gêmeo digital em Hannover / Renato Cruz/inova.jor
A Siemens tem aplicações com conceito de gêmeo digital / Renato Cruz/inova.jor

Este ano promete ser de mudanças rápidas no mercado. Tecnologias consolidam-se e trazem resultados mais amplos a partir de agora. Abaixo, destaco quatro tendências apontadas por pesquisas e relatórios internacionais que devem se fortalecer durante 2018.

8. Como a inteligência artificial criará um novo modelo de trabalho

Profissões que são a porta de entrada do mercado de trabalho serão mais atingidas / Logan Ingalls/Creative Commons
Profissões que são porta de entrada do mercado serão mais atingidas / Logan Ingalls

Há uma variedade de pesquisas recentes sobre um tema que apenas começa a emergir nas discussões sobre políticas públicas e emprego: o papel da inteligência artificial no futuro do trabalho. Os cenários desenhados variam muito. Um estudo recente do Gartner indica que, até 2020, mais empregos serão criados pela evolução de diversas frentes de inteligência artificial (2,3 milhões), do que eliminados por ela (1,8 milhão), e que essa tendência seguirá o mesmo padrão na próxima década.

7. Como está o mercado de infraestrutura de TI sob demanda

Mesa redonda discute infraestrutura de TI sob demanda / Tiago Queiroz/inova.jor
Mesa redonda discute infraestrutura de TI sob demanda / Tiago Queiroz/inova.jor

O modelo de infraestrutura de tecnologia da informação (TI) sob demanda já está consolidado, mas ainda é preciso romper algumas barreiras e avaliar as melhores formas de adotar soluções de nuvem em cada empresa. Sistemas híbridos, que combinam nuvem pública e privada, ganham força no mercado.

6. Profissionais são os novos influenciadores digitais

LinkedIn conquistou mais de 34 milhões de usuários no Brasil / Depositphotos

Redes sociais podem facilitar negócios e conversas profissionais. De acordo com o LinkedIn, mais de 62% dos profissionais respondem a contatos na rede que mostram conteúdo e oportunidades relevantes. Lançada no Brasil em 2011, a rede social profissional conquistou 34 milhões de usuários no país. No mundo, são mais de 562 milhões.

5. Indústria 4.0: ‘Brasil subestima impacto da economia digital’

Foi lançado na USP o livro 'Automação & Sociedade: Quarta Revolução Industrial, um olhar para o Brasil' / Renato Cruz/inova.jor
Foi lançado na USP o livro ‘Automação & Sociedade’ / Renato Cruz/inova.jor

Os impactos da economia digital foram um tema importante para os chefes de Estado que participaram neste ano do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. O economista Octavio de Barros, cofundador da Quantum4, acompanhou o evento. Segundo ele, representantes das 10 principais economias do mundo dedicaram mais da metade de seu tempo de apresentação para falar dos desafios trazidos pela digitalização.

4. Vedacit busca startups de construção civil

Startups de construção podem se inscrever no programa de aceleração da Vedacit / Divulgação
Programa de aceleração da Vedacit seleciona startups / Divulgação

O Vedacit Labs abriu inscrições para o primeiro ciclo de seu programa de de aceleração de startups. Os interessados puderam se inscrever até 11 de novembro.

3. Internet Trends 2018 apresenta o futuro dos negócios digitais

Interfaces de voz, como o Echo, da Amazon, é uma das principais tendências / Divulgação
Interfaces de voz são uma das principais tendências / Divulgação

O Internet Trends, relatório anual sobre tendências e negócios na internet elaborado por Mary Meeker, da empresa de capital de risco Kleiner Perkins Caufield & Byers, foi apresentado durante o evento Code Conference, da Vox Media. O estudo, que já está na sua 23ª edição, é um dos mais aguardados pelo mercado de tecnologia.

2. Como combater o discurso de ódio na internet

Dia da internet segura / Renato Cruz/inova.jor
O combate ao discurso de ódio foi tema do Dia da Internet Segura / Renato Cruz/inova.jor

Desde 2006, a SaferNet Brasil recebeu mais de 2 milhões de denúncias de crimes de ódio. A ONG promoveu, em parceria com o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), a 10ª edição brasileira do Dia Mundial da Internet Segura. O tema da campanha deste ano é “Crie, conecte e compartilhe respeito”. O combate ao discurso de ódio na internet foi um dos principais temas do evento realizado em São Paulo.

1. Por que o Itaú Unibanco decidiu formar cientistas de dados

O Itaú Unibanco tem centenas de cientistas de dados / Renato Cruz/inova.jor
O Itaú Unibanco tem centenas de cientistas de dados / Renato Cruz/inova.jor

O Itaú Unibanco tem 60 pessoas em treinamento para se tornarem cientistas de dados, num programa em parceria com o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). São engenheiros, físicos, químicos, cientistas da computação e matemáticos que foram contratados como analistas, mas, antes de começarem a trabalhar, vão cumprir uma carga de 500 horas de estudo.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Esconder a verdade dos chefes é péssima estratégia / Tiago Queiroz /inova.jor

Contar a verdade: primeiro passo para a inovação

No antigo Egito, os imperadores eram tratados como deuses. Seus principais assessores tinham o papel de filtrar todo e qualquer risco. Havia aqueles que provavam a comida para evitar situações potenciais de envenenamento. Outros organizavam a agenda dos imperadores fazendo com que nada de ruim ou desconfortável pudesse estragar o[…]

Leia mais »
Mesa redonda discute infraestrutura de TI sob demanda / Tiago Queiroz/inova.jor

Como está o mercado de infraestrutura de TI sob demanda

O modelo de infraestrutura de tecnologia da informação (TI) sob demanda já está consolidado, mas ainda é preciso romper algumas barreiras e avaliar as melhores formas de adotar soluções de nuvem em cada empresa. Sistemas híbridos, que combinam nuvem pública e privada, ganham força no mercado. O valor do investimento[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami