inova.jor

inova.jor

Programa da Votorantim Metais seleciona 18 startups

A Votorantim Metais anunciou as 18 startups que continuarão no programa Mining Lab, focado em novas empresas com soluções nas áreas de energia renovável e nanotecnologia, aplicáveis à mineração.

Neste mês, as startups selecionadas passam por uma imersão na mineradora para aprender os processos de produção e receber apoio técnico na elaboração de seus projetos.

No próximo dia 17, uma banca vai escolher até 10 projetos que receberão apoio da Votorantim Metais, acompanhamento da Federação das Indústria do Estados de Minas Gerais (Fiemg) e da aceleradora de startups Techmall até o demo day, em 1.º de setembro.

Confira a lista das startups selecionadas:

Energia Renováveis

  • Bchen(Itauna/MG)
  • Bioware (Campinas/SP)
  • Eduardo Biscolli Brandão (Videira/SC)
  • Mario Coelho (Santa Cruz do Sul/RS)
  • Naidion Motta Silvério (Itajubá/MG)
  • Oppus (Nova Lima/MG)
  • Paradigma (Carmo do Paranaíba/MG)
  • Tau Flow (Campinas/SP)
  • Tey Renováveis (Sorocaba/SP)
  • Trigás (Caxias do Sul/RS)
  • Zeg Environmental (Água Branca/SP)

Nanotecnologia

  • Ecosoluções (Viçosa/MG)
  • Itatijuca Biotech (São Paulo/SP)
  • nChemi (São Carlos/SP)
  • Oppus (Nova Lima/MG)
  • Robson Rodrigues Amaro (Barão de Cocais/MG)
  • Tau Flow (Curitiba/PR)
  • Whpos (Nova Lima/MG)

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Melhor projeto receberá prêmio de R$ 10 mil da Petrobras / Divulgação

Petrobras e Fábrica de Startups promovem hackathon

  A Petrobras e a aceleradora Fábrica de Startups promovem, de 20 a 27 de setembro no Rio de Janeiro, um hackathon para desenvolvimento de soluções inovadoras para plataformas de petróleo e gás. A maratona de ideação acontece durante o O&G TechWeek, evento paralelo à Rio Oil & Gás 2018.[…]

Leia mais »
O etanol celulósico é uma das áreas promissoras para o Brasil nos próximos anos / Secr. Agricultura SP/Creative Commons

Brasil cai no ranking de inovação em tecnologia limpa

O Brasil caiu cinco posições no ranking de inovação em tecnologia limpa, ficando em 30.º lugar entre 40 países analisados. A informação está disponível na terceira edição do relatório Global CleanTech Innovation Index, do WWF. O estudo anterior havia sido divulgado em 2014. A principal queda do Brasil foi no[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami