inova.jor

inova.jor

Brasil e União Europeia vão investir R$ 52 milhões em projetos de tecnologia

Brasil e União Europeia buscam projetos inovadores de tecnologia da informação / Leonardo Rizzi/Creative Commons
Brasil e União Europeia buscam projetos inovadores de tecnologia da informação / Leonardo Rizzi/Creative Commons

Brasil e União Europeia vão investir € 16 milhões (R$ 52 milhões) em projetos de tecnologia da informação e comunicação nas áreas de internet das coisas, computação em nuvem e redes de quinta geração (5G).

A 4ª Chamada Coordenada Brasil-União Europeia em Tecnologias da Informação e Comunicação foi lançada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e pela a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP).

Consórcios formados por universidades, institutos de pesquisa e empresas nacionais e europeias podem apresentar propostas até 14 de março.

As chamadas começaram em 2010 e já somaram investimentos de R$ 81 milhões.

Entre os projetos já apoiados estão biossensores para detecção de doenças tropicais, uma plataforma para compartilhamento de dados de biodiversidade e sensores usados na linha de produção de indústrias automobilísticas.

Comentários

comentários

Publicações relacionadas

Mauiricio Ruiz, da Intel, alerta que as empresas brasileiras precisam inovar mais / Renato Cruz/inova.jor

‘Tudo está sendo transformado e está todo mundo sob pressão’

A principal fonte de ruptura no seu mercado pode ser uma empresa que você nem conhece. Esse foi um alerta feito hoje (27/11) por Maurício Ruiz, diretor geral da Intel Brasil, durante evento para imprensa. “Tudo está sendo transformado e está todo mundo sob pressão”, disse o executivo. “Nenhuma empresa[…]

Leia mais »
Até 2020, o mercado de casas inteligentes deve gerar € 122,7 bilhões / Divulgação

Quando os eletrodomésticos se conectam à internet

Controlar aparelhos domésticos à distância é uma funcionalidade cada vez mais próxima da vida das famílias. A expectativa é que o mercado de casas inteligentes (smart home) tenha uma forte expansão nos próximos anos. E o Brasil não deve ficar de fora. O estudo How to create growth from the connected home, da Deutsche[…]

Leia mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami